terça-feira, 27 de setembro de 2011

Você precisa saber...




Câmara federal aprovou a criação da Comissão Nacional da Verdade: a comissão irá esclarecer casos de violação de direitos humanos ocorridos entre 1946 e 1988. Sujeita a votação no Senado.


Deputados federais ampliaram para até 90 dias o aviso prévio de trabalhador, projeto será enviado para sanção presidencial. O texto diz que estiverem até um ano em uma empresa terão aviso prévio de 30 dias, e adicionar-se-á 3 dias para cada ano a mais trabalhado, com um limite de 60 dias a mais para quem tem 20 ou mais anos de trabalho em uma empresa, totalizando até 90 dias.


Câmara federal rejeita a criação de um novo imposto para a saúde, mas governo ainda precisa encontrar uma maneira de aumentar a quantidade de recursos destinados à área que apresenta muitos problemas. Uma das saídas seria uma proposta do PSOL de criar um imposto para grandes fortunas, que enfrenta muita resistência da bancada da direita.
Notícias retiradas do site da câmara: http://www2.camara.gov.br/




PRIVATIZAÇÃO DA CASAN? 
A Assembléia Legislativa de Santa Catarina derruba dispositivo constitucional que proíbe a venda de ações da CASAN, ou seja, autorizaram a venda da empresa. Um movimento contrário tentou manifestar-se na ALESC para impedir a derrubada da proibição, mas foram impedidos de entrar na Assembléia pela tropa de choque. A aprovação da venda de 49% das ações da empresa foi aprovada no dia 20 de setembro e recebeu votos contrários do PC do B, PDT e PT, e votos favoráveis da base do governo estadual, que pode ter feito um acerto com uma empresa privada para a venda da CASAN durante a campanha da eleição que elegeu Colombo, veja mais no site: http://www.wikileaksbrasil.net.br/tijoladas/para-privatizar-a-casan-tropa-de-choque-da-pm/




Fique de olho no que os candidatos que você ajudou a eleger estão fazendo. Acompanhe as ações de seus vereadores: http://www.camaravidalramos.sc.gov.br As sessões ocorrem às terças-feiras das 19h às 20h.


Mr. Tambourine

Um comentário:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

Você é responsável por seu comentário.
Agradecemos sua participação.